• Cesar Rod

Gimball e Secovi-PR fazem parceria.

Atualizado: 30 de mar.




Secovi PR firma parceria com STARTUP Gimball e traz inovação, agilidade e segurança aos clientes

Através da captura de realidade é possível digitalizar operações e se adaptar aos padrões internacionais de construção

As tecnologias estão transformando o mercado, em seus diferentes segmentos. E nós, do SECOVI PR, estamos sempre de olho nessas mudanças para continuar indo além. Pensando na comodidade e na segurança dos nossos associados, anunciamos uma nova e importante parceria com a Startup Construtech Gimball, que atua no segmento de drones. O trabalho, altamente tecnológico e diferenciado, surge como uma novidade muito inovadora ao setor e consiste em obter modelos digitais de determinas áreas, terrenos ou fachadas de condomínio, por meio de imagens que são capturadas com drones e, depois disso, são processadas.

Os drones recebem um plano de voo (inclusive com liberações da ANAC e com as devidas licenças de voo, como acontece com aviões e helicópteros) faz um voo automatizado e mapeia todo o espaço, escaneando a área em questão. As imagens sequenciais obtidas são de alta precisão, resolução e georreferenciadas e, a partir delas, é possível extrair muitos produtos, com isso temos uma entrega 70% mais rápida (e mais econômica) se comparada com o método tradicional, sem contar sua relevante contribuição para a infraestrutura urbana, não é mesmo?

GIMBAL: dispositivo formado por dois os três anéis articulados e perpendiculares entre si que fornece suspensão livre em todos os planos para um objeto. Tem como objetivo estabilizar imagens de câmeras. Foi com inspiração nesse dispositivo que nasceu a GIMBALL, uma empresa que carrega em seu DNA estabilidade, firmeza e solidez – importantes pilares que nós do SECOVI PR valorizamos e queremos estender também aos nossos parceiros!


Mas afinal de contas, o que é a captura de realidade e como ela funciona?

O Secovi explica:


  • É o Processo de levantamento, produção e representação digital de 3D de um objeto ou área, criado por meio da representação do mundo real.

  • É a Prática que integra diversas técnicas e equipamentos para alimentar, corrigir e supervisionar projetos, proporcionando alto rigor de detalhamento, informações e precisão.

  • O uso dessa tecnologia minimiza as exigências de mão de obra, reduz custos, e tempo de operação, além de economizar tempo e recursos.

  • Os métodos de digitalização aplicados são baseados em laser ou fotogrametria: milhões de pontos da superfície analisada são medidos e mapeados e georeferenciados em poucas horas (o que se fosse feito por um técnico em topografia levaria uma vida inteira) para desenvolver um modelo 3D texturizado, de alta resolução e geometricamente preciso.

  • Quando o “mundo real” é capturado, uma série de relevantes dados são gerados: milhões de pontos, imagens de altíssima qualidade, modelos de texturização 3D, modelos de superfícies e terrenos. Tudo com muita precisão.

  • O material é então processado por uma equipe administrativa para gerar os resultados: informações preciosas para garantir a segurança do trabalho, a qualidade e a assertividade do serviço.


ENTREVISTA DE UM DOS GESTORES DO PROJETO EXPLICANDO COMO FUNCIONA E MOSTRANDO OS MILHARES DE PONTOS GERADOS EM NUVEM JÁ MODELADAS – A MAQUETE DIGITAL DO EMPREENDIMENTO.


PARA SERVIÇOS DE ENGENHARIA

Serviços Topográficos

è Processamento de imagens, sensoriamento remoto e geoprocessamento.

è Bases cartográficas: mosaico de ortofoto, curva de nível, nuvem de pontos (modelos de elevação MDT e MDS), modelo 3D (IFV, VARI, NDVI e NDRE)

São informações que, na engenharia, suprem todas as necessidades: prospecção e viabilidade com análise da área, levantamento topográfico, mapeamento da vizinhança, identificação de vegetação presente e outras interfaces, análises de cenários e simulações, estudo de viabilidade técnico econômica, avaliação de impactos socioambientais, projetos básicos e executivo.


Para obras,, monitoramento e controle de projetos, acompanhamento de terraplanagem, projetos em tempo real, time lapse (captura de imagens intermitente) e evolução da obra. Tudo isso traz mais facilidade ao acesso das informações da obra, eficiência na gestão de documentos, armazenamento seguro das informações, controle de materiais recebidos, melhorias na produtividade, melhor detecção de falhas e desvios de execução, otimização da comunicação entre equipes, melhoria da performance das equipes com dados mais completos, alta precisão dos dados levantados, interatividade com produtos BIM, economia de tempo e assertividade nos cronogramas previstos, e a real geração de acompanhamento do AS BUILT.

APLICAÇÃO: modelo 3d texturizado, nível de resolução especial de 2 cm a 20 cm, além de todo o índice de vegetação, memorial descritivo associado ao planialtimétrico (memorial descritivo do terreno completo), aerofotogrametria (imagens para realização de estudos detalhados e produção de mapas), planta topográfica (padrão ABNT, emissão de ART).

Para reformas, o escaneamento IR permite, com nuvem de pontos, projetos de pequenas áreas com maior agilidade em uma nuvem de pontos com precisão milimétrica, além da possibilidade de acompanhamento da evolução interna da obra com alta definição, medidas e etapas concluídas. Já o escaneamento a laser tem como objetivo o a comparação do projetado com o executado, a compatibilização de projetos dentro a plataforma BIM e inspeção por meio da utilização de escaneamento para identificar patologias e desgastes estruturais, na engenharia e arquitetura esse processo recebe o nome de As Built.


PARA MAPEAMENTO DE FACHADAS

Consiste na inspeção completa do estado geral do revestimento externo da edificação e o objetivo é identificar possíveis falhas no sistema por meio dos relatórios fotográficos realizados com o drone. O mapeamento de fachada é feito com entrega de laudo técnico da inspeção com descrição minuciosa da fachada, metodologia usada no estudo, dados, fotos, croquis, normas e/ou documentos técnicos, além de descrição de anomalias e falhas de uso, operação ou manutenção e não conformidades que possam ser constatadas nos sistemas construtivos. Também é feita uma classificação das irregularidades constatadas e recomendações de ações necessárias para restaurar ou preservar o desempenho dos sistemas, subsistemas e elementos construtivos da fachada da edificação. Sem falar que a entrega também prevê uma organização das prioridades, em patamares de urgência, avaliação da manutenção dos sistemas e das condições de uso da edificação, anotação de responsabilidade técnica e relatório fotográfico com imagens de alta qualidade.


Soluções ágeis, mais econômicas e eficientes para construção civil, dentro das conformidades PEC – PCD e o NSSDA.

7 visualizações0 comentário